O senhor é meu pastor e nada me faltará...


anjos - Recados Para Orkut

"Educar com amor".

"Educar com amor".

Um cantinho especial para uma boa e agradável conversa!!!

domingo, 27 de março de 2011

"Mais uma indignada"!!!!


Nós, é que somos os prisioneiros...

Gente, eu sei que fiz este blog para falar de educação, mas não tem como deixar passar em "branco" certos acontecimentos.
Vi no jornal esta semana o caso da pediatra que foi assassinada, por um marginal, ela estava com o filho de colo.
O que me chamou atenção neste caso, é que o "elemento" responde processo por estupro e atentado violento ao pudor e estava preso, o dia que ele matou esta moça, a lei tinha lhe concedido o indulto de dia dos pais, ele pegou a vítima em um shopping no qual já havia pego outras mulheres.
Os presos são protegidos pelos direitos humanos, e nós cidadãos de bem, somos protegidos por quem?
Ser presidiário no nosso país, virou farra, eles tem direito a visita íntima, são sustentados com O NOSSO DINHEIRO,tem direito a indulto por "bom comportamento", falam no celular quase que livremente na cadeia de onde continuam praticando seus crimes, se tiver nível superior então, ai é uma festa na cela, alguns como por exemplo Alexandre Nardoni, recebem a comida que quiserem da família, tem os livros que quiserem a disposição, fora televisão e por ai vai.
Nós, cidadãos que cumprimos nossos deveres, temos nossa liberdade controlada, pois não podemos sair a hora que queremos por conta dos perigos, temos que pagar seguro de carro, residência, nossos filhos são mantidos fechados em casa, nem liberdade de usarmos cartões de crédito temos mais, pois o número de clonagem é absurdo.
Socorro! Quem será a nosso favor, se a lei não é, se a polícia em sua maioria é corrupta, não gosto de generalizar, pois sei que existem policiais honestos, mas todos os dias nos jornais tem noticia de corrupção.
Na política, na polícia etc...
Estou cansada de más notícias, estou cansada dessa lei falida, e ninguém faz nada.
Por isso escolhi educação para atuar, porque acredito que ela é o único meio de modificar a sociedade, mas como diz o ditado, uma andorinha só, não faz verão.
A educação infantil é muito importante, pois é de pequeno que temos que ensinar o que é certo, e colocar nas cabecinhas deles o que é cidadania, que eles podem mudar aquilo que não está certo.
Não queria participar de uma geração que não acredita, que não luta, antigamente as pessoas quando não concordavam iam as ruas, gritavam, não ficavam alienados.
Se hoje, eu e tantas pessoas podem escrever o que querem em "blogs", foi porque alguém um dia lutou por essa liberdade de expressão.
As pessoas enxergam o voto como uma obrigação, ninguém ta nem ai por política, todos ficaram descrentes de tudo.
Quando toca o hino nacional, o povo coloca a mão no peito e cantam um hino que em sua maioria nem entendem o que significa.
Detalhe, o povo lembra que é brasileiro quando tem jogo da seleção.
De verdade, estou cansada desse "patriotismo" que não luta, que aceita.
Nós é que somos os prisioneiros, vocês não percebem?
Pedofilia um crime que tira a inocência de uma criança, que acaba com um futuro, tem pena branda.
O que são 7 anos de cadeia, em presídios que concedem todos esses benefícios que eu citei?
Estamos perdidos!
Outro assunto dessa semana que achei absurdo, embora não fosse novidade, foi a lavagem de dinheiro de líderes da igreja universal.
Tenho pena de todos que doaram suas economias, para favorecerem essas pessoas.
O jornal folha de São Paulo e a rede globo fizeram a denúncia, e mostraram provas.
Os pastores convenciam fiéis a "doarem" quantidades altas de dinheiro, e quem não pudesse doar dinheiro, deveria doar bens.
Chegaram a distribuir diplomas assinados por "Jesus Cristo", isso mesmo, você não leu errado, JESUS CRISTO, era digno de ganhar estes diplomas quem fizesse altas doações.
Esse dinheiro ia para mão do líder da Igreja Universal e com seus cúmplices fizeram lavagem de dinheiro e enriqueceram ilicitamente.
Olha, não quero defender religiões, mas detesto que enganem os outros, ainda mais da forma que fizeram, abusando da fé alheia.
E o pior, é que mesmo diante de evidências, há ainda os que acreditam nessas pessoas.
É lamentável!

Fonte: Falando de Educação.

Nenhum comentário: