O senhor é meu pastor e nada me faltará...


anjos - Recados Para Orkut

"Educar com amor".

"Educar com amor".

Um cantinho especial para uma boa e agradável conversa!!!

quarta-feira, 27 de maio de 2009

"Sugestões para preenchimento do relatório".


É importante considerar, na construção do relatório os seguintes critérios:


• A avaliação deve ser sempre enfatizar os avanços e não apenas os fracassos. Registrar o que o aluno conseguiu e em que progrediu;
• Valorizar e registrar o desenvolvimento sócio-afetivo como: participação, solidariedade, posicionamento, sentimentos;
• É preciso registrar a participação do aluno nos projetos desenvolvidos no bimestre;
• Deve-se proceder relação com o registro anterior;
• Diversificar a redação de um aluno para o outro, buscando se fiel em suas colocações.
Sugestões para iniciar relatórios:

• Com base nos objetivos trabalhados no bimestre, foi possível observar que o aluno...
• Observando diariamente o desempenho do aluno, foi constatado que neste bimestre...
• A partir das atividades apresentadas, o aluno demonstrou habilidades em...
• Com base na observação diária, foi possível constatar que o aluno...

Desenvolvimento cognitivo:

• O aluno demonstra um ótimo aproveitamento na aquisição da leitura e escrita.
• O aluno apresenta bom desenvolvimento no processo de aquisição da leitura e da escrita.
• O aluno está desenvolvendo-se gradualmente no processo de aprendizagem da leitura e da escrita.
• Encontra-se em desenvolvimento no processo de aprendizagem da leitura e da escrita.
• Tem um bom desenvolvimento cognitivo, mas apresenta dificuldades na leitura, contudo com a realização da recuperação paralela tem apresentado avanços importantes.
• Lê com fluência qualquer tipo de texto, fazendo conexões com a realidade.
• Lê e interpreta os textos trabalhados em aula sem maiores dificuldades.
• Lê com alguma dificuldade, mas demonstra interesse e esforça-se em aprender.
• Escreve, ordena e amplia frases, formando textos coerentes e lógicos.
• Produz frases e pequenos textos com criatividade e entendimento.
• Constrói o conceito lógico-matemático, realizando cálculos com as quatro operações matemáticas.
• O aluno tem especial interesse nas atividades matemáticas.
• Realiza cálculos simples de adição e subtração.
• Realiza cálculos com auxilio de material concreto.
• É curioso, questiona e busca informações.
• Traz para a classe informações de fontes diversas como: radio, tv, jornais e etc.
• Compreende as relações existentes entre os elementos do meio ambiente.
• Compreende a importância da preservação do meio ambiente para o futuro do nosso planeta.
• Adota hábitos de cuidados com o corpo e com o ambiente.
• Nas atividades orais demonstra desenvoltura ...( ou inibição)
• Ocasionalmente troca letras.
• Constrói frases criativas e elabora pequenos textos com linguagem e ilustrações significativas;
• Expressa o que pensa relatando, argumentando, avaliando, relacionando, ordenando, generalizando, concluindo...;
• Expressa a escrita representando idéias através de rabiscos, pseudo letras e outros símbolos
• Lê com fluência vários tipos de textos interpretando-os;
• Produz textos escritos com clareza, coerência e coesão;
• Identifica e escreve seu nome completo;
• Observa, descreve, analisa e sintetiza gravuras, reportagens e textos;
• Apresenta dificuldades ortográficas
• Identifica e escreve seu nome completo
• Ainda não faz relação entre o que fala e escreve

Participação- convívio social:

• Participa com interesse e produtividade.
• Boa participação nas atividades realizadas em sala.
• Participação tímida nas atividades em sala, embora tenha bom relacionamento com os colegas em classe.
• Demonstra atitudes críticas diante de acontecimentos conflitantes.
• É criativo e comunicativo.
• Coopera com colegas e professora.
• O aluno demonstra interesse nas atividades propostas embora não tenha autonomia para realizá-las sem o apoio da professora.
• Ouve, reproduz e transmite textos oralmente como histórias, recados, noticias entre outros.
• Demonstra curiosidade em relação aos assuntos estudados.
• É cuidadoso e rápido na execução das atividades desenvolvidas.
• Aceita sugestões da professora e dos colegas.
• Manifesta suas opiniões com clareza e objetividade.
• Contribui para a integração e o crescimento do grupo;
• Demonstra inquietude e geralmente se envolve em questões referentes aos colegas
• Ainda não aceita as regras convencionadas pelo grupo;
• Colabora na construção de regras;
• Interage com o grupo, ouvindo, respeitando e se posicionando;
• Tem um bom relacionamento com os colegas e mostra-se sempre pronto em ajudar;

“Todas as maravilhas que você precisa estão dentro de você.”(Sir Thomas Browne)

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Poesia. "Diferença entre Amor e amizade'. Será que existe ?


Perguntei a um sábio,a diferença que havia entre amor e amizade, ele me disse essa verdade...


O Amor é mais sensível, a Amizade mais segura.


O Amor nos dá asas, a Amizade o chão.


No Amor há mais carinho, na Amizade compreensão.


O Amor é plantado e com carinho cultivado, a Amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza, torna-se uma grande e querida companheira.


Mas quando o Amor é sincero ele vem com um grande amigo, e quando a Amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho.


Quando se tem um amigo ou uma grande paixão, ambos sentimentos coexistem dentro do seu coração.




Autor: William Shakespeare

domingo, 17 de maio de 2009

18 de maio "Dia de combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolecentes".


O “Crime de Araceli” é lembrado deste 1973, quando a menina Araceli, com oito anos à época, foi raptada. Drogada, estuprada, morta e carbonizada por jovens de classe média alta de Vitória, Espírito Santo. O crime hediondo comoveu a sociedade, mas prescreveu impune. Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infanto-Juvenil foi instituído pela lei federal nº 9970/00.

Denúncias podem ser feitas 24 horas por dias através do Disque-Denúncia, número 100.

Pais devem ficar atentos a sintomas de violência sexual.


Vergonha, mudanças de humor, pesadelos, baixo rendimento escolar e, em casos mais graves, a fuga do lar. É assim que a maioria das crianças e dos adolescentes vítimas de violência sexual reage a este tipo de agressão. À primeira vista, essas formas de comportamento podem parecer normais para os pais. No entanto, especialistas afirmam que os filhos devem ser observados, cuidadosamente, para que seja logo descoberta a causa.

De acordo com a psicóloga do Pró-Paz, Nayana Leite, os traumas sofridos em decorrência de uma violação daquela natureza, por meio de contato físico ou não, podem fazer com que as vítimas sintam as conseqüências a médio e longo prazo. A psicóloga explica esse tipo de violência se reflete de maneira diferenciada em cada indivíduo e, por esse motivo, precisa de um acompanhamento especializado.

‘O trauma pode aparecer tanto depois do abuso, como anos mais tarde, quando a criança ou o adolescente ficar mais velho. Nos dois casos, as sequelas precisam ser controladas e é necessário que essas pessoas passem por tratamento psicológico’, diz a especialista.

Entre os traumas mais frequentes das vítimas, na vida adulta, destacam-se: a dificuldade de se relacionar com outras pessoas, insegurança no contato íntimo, depressão, ansiedade e transtorno de personalidade. Nesse último caso, pode surgir o sociopatismo, um comportamento semelhante ao de uma pessoa que abusa sexualmente de outra.

‘A vítima ainda possui chance de se tornar um agressor no futuro, tanto é que, a maioria dos acusados de exploração ou abuso sexual, sofreu a mesma violência quando era mais novo’, completa a especialista.

Traumas no público infanto-juvenil – Nas crianças e adolescentes os traumas em decorrência da violência sexual podem ser identificados com a mudança de humor, sono agitado e dificuldade de aprendizado na escola. Nayana revela que esses sintomas precisam ser acompanhados diariamente pelos pais e familiares, porque dificilmente a vítimas falam da agressão que sofreram.

Ela afirma que há casos da criança acreditar ser culpada pela violação, por não tem a capacidade de discernir que a vítima é ela. Isso acontece em sua maioria, ressalta a psicóloga, nos casos de abuso sexual que ocorre dentro da própria casa da criança, quando o agressor é pai ou algum parente próximo.

Para perceber que a criança está sendo vítima de alguma violência, um outro comportamento bastante comum entre as vítimas é a aversão a uma determinada pessoa. A psicóloga afirma que se a criança tem uma resistência grande em ficar perto de um parente ou amigo da família, é sinal que alguma coisa está errada.

Poesia. "Almas Perfumadas"."Aquilo que se faz por amor,parece ir sempre além dos limites do bem e do mal".


Tem gente que tem cheiro de passarinho quando canta. De sol quando acorda. De flor quando ri. Ao lado delas, a gente se sente no balanço de uma rede que dança gostoso numa tarde grande, sem relógio e sem agenda. Ao lado delas, a gente se sente comendo pipoca na praça. Lambuzando o queixo de sorvete. Melando os dedos com algodão doce da cor mais doce que tem pra escolher. O tempo é outro. E a vida fica com a cara que ela tem de verdade, mas que a gente desaprende de ver.



Tem gente que tem cheiro de colo de Deus. De banho de mar quando a água é quente e o céu é azul. Ao lado delas, a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis. Ao lado delas, a gente se sente chegando em casa e trocando o salto pelo chinelo. Sonhando a maior tolice do mundo com o gozo de quem não liga pra isso. Ao lado delas,pode ser abril, mas parece manhã de Natal do tempo em que a gente acordava e encontrava o presente do Papai Noel.

Tem gente que tem cheiro das estrelas que Deus acendeu no céu e daquelas que conseguimos acender na Terra. Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, a gente tem certeza. Ao lado delas, a gente se sente visitando um lugar feito de alegria. Recebendo um buquê de carinhos. Abraçando um filhote de urso panda. Tocando com os olhos os olhos da paz. Ao lado delas, saboreamos a delícia do toque suave que sua presença sopra no nosso coração.

Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa. Do brinquedo que a gente não largava. Do acalanto que o silêncio canta. De passeio no jardim. Ao lado delas, a gente percebe que a sensualidade é um perfume que vem de dentro e que a atração que realmente nos move não passa só pelo corpo. Corre em outras veias. Pulsa em outro lugar. Ao lado delas, a gente lembra que no instante em que rimos Deus está dançando conosco de rostinho colado. E a gente ri grande que nem menino arteiro.

Costumo dizer que algumas almas são perfumadas, porque acredito que os sentimentos também têm cheiro e tocam todas as coisas com os seus dedos de energia. Minha avó era alguém assim. Ela perfumou muitas vidas com sua luz e suas cores. A minha, foi uma delas. E o perfume era tão gostoso, tão branco, tão delicado, que ela mudou de frasco, mas ele continua vivo no coração de tudo o que ela amou. E tudo o que eu amar vai encontrar, de alguma forma, os vestígios desse perfume de Deus.



Créditos: Ana Cláudia Saldanha Jácomo.

terça-feira, 12 de maio de 2009

"Crise de birra" E agora mamãe?


Essa cena, mamãe, você certamente já deve ter presenciado: seu filho esperneia e faz birra em algum lugar público, na maioria das vezes por um motivo aparentemente fútil. Choro, chutes, gritos, xingamentos e atiramento ao chão são as reações mais comuns. Você não sabe onde esconder o rosto. A grande dúvida dos pais é o que fazer quando a criança começa com uma crise de birra. Só que vamos puxar para uma outra questão: o porquê das crises de birra acontecerem.
Se for a primeira vez que isso ocorre, a criança pequena ainda não sabe lidar com grande parte de seus sentimentos, principalmente no que diz respeito à frustração. Ela não consegue expressar isso através da linguagem e age na forma de birra. Cabe aos pais continuar firmemente em sua opinião e não ceder às vontades da criança. Mas é num gesto teoricamente de carinho que pode servir de entrada para uma criança “pentelhinha”.
O “teatrinho” em lugar público acontece em grande parte em razão do sim dos pais às vontades da criança. Os pais dão ao filho o controle de toda situação e a criança não é capaz de lidar com todo esse controle. Cada vez que ouvirem um não, as crianças agirão sempre da mesma forma, pois sabem que dessa maneira conseguirão o que querem.
De quem é a culpa? - Pais, será que não são vocês o culpado por uma atitude malcriada de seu filho? O sentimento de por trabalhar fora e ter pouco tempo com os filhos fazem os pais serem permissivos demais. Essa culpa dos pais pode formar crianças sem limites, autoritárias e chatas, sem saber lidar com as frustrações da vida.
Comodidade ou pais que não tem paciência preferem ceder aos desejos do filho a que ter que arcar com a frustração da criança de levar um não. É muito mais fácil fazer as vontades da criança do que impor limites. Apesar de resistente às regras, a criança precisa delas para crescer e se sentir segura. Essa regra deve ser imposta de um mesmo modo.
O certo e errado ficará confuso quando a mãe disser sim e o pai, não. A criança percebe esse desequilíbrio e sempre recorrerá àquele que vai ceder ao seu desejo. Deve haver um consenso entre os pais, um não deve desautorizar o outro. Sinais de um “cri-cri” - Esse comportamento pode aparecer na escola, onde a criança poderá ter problemas de relacionamento com os outros coleguinhas por ser muito mandona ou, ainda, os pais perceberão que na escola o filho é um “santinho”, pois lá existem regras a serem seguidas e em casa são desobedientes e autoritários devido à falta de limites. Outra questão é querer proteger a criança de qualquer perda, tristeza ou frustração. Assim, quando os pequenos entram em contato com algum desses sentimentos, pois não ficarão para sempre debaixo da proteção dos pais, não sabem suportar a situação e lidam de um modo exagerado. Nem tudo o que é radical é bom.
Pais muito autoritários, por exemplo, acabam gerando filhos tímidos e com pouca criatividade. O bom senso e o meio termo dos pais é o que vai contar. Quando tem uma crise de birra, criança mal consegue ouvir o que lhe dizemos e muito menos compreender. Os pais devem ser firmes com o filho e jamais ceder ou bater na criança. Bater gera mais raiva e medo e o que os pais devem querer e saber tirar de uma criança é o respeito. Ninguém disse que seria fácil ser mãe, que o diga uma criança birrenta. Dicas Pais são pais e não amigos. Podem ser pais amigos, mas nunca devem deixar de ser pais. Sempre existe uma vovó ou um vovô para satisfazer as crianças, seja como for. Ainda bem! Brinquedo é diferente de brincadeira. A criança precisa de brincadeira com os pais e não que os pais comprem um brinquedo.
É através da brincadeira que os pais impõem limites, dão carinho, atenção e amor. Até os três anos de idade a criança entende mais uma a ação do que uma ordem. Quando disser “não mexa” também retire a mão da criança do lugar inadequado.

fonte:guiadobebe. uol.com

"Datas comemorativas".



Maio


01- Celebração da segunda missa no Brasil (1500)Cerimônia de posse da terra por Cabral (1500)Dia da Literatura Brasileira


Dia do Trabalho


Dia Internacional dos Trabalhadores


02- Dia Nacional do Ex-combatente


03- Dia do Parlamento


Dia do Pau-brasil


Dia do Sertanejo


Dia do Sol


Dia Mundial da Liberdade de Imprensa


05- Dia de Rondon


Dia do Campo


Dia do Expedicionário


Dia Nacional das Comunicações


06 -Dia do Cartógrafo


Dia do Taquígrafo


Dia Nacional da Matemática


07- Dia da Saúde Ocular


Dia do Oftalmologista


Dia do Silêncio


08- Dia da Cruz Vermelha


Dia do Artista Plástico


10- Dia da Cavalaria


Dia da Cozinheira


Dia do Guia de Turismo


Dia Mundial das Vocações


Dias das Mães


11-Dia das Comunicações Sociais


12-Dia da Enfermagem


Dia do Enfermeiro


Dia do Engenheiro Militar


13- Dia da Abolição da Escravatura no Brasil (1888)


Dia da Estrada de Rodagem


Dia da Fraternidade Brasileira


Dia do Automóvel


Dia do Zootecnista


14- Dia Continental do Seguro


Dia do Segurador


15- Dia do Assistente Social


Dia do Combate à Infecção Hospitalar


Dia do Gerente Bancário


Dia Internacional da Família


16- Dia do Faxineiro


Dia do Gari


17- Dia Mundial da Internet


Dia Mundial das Comunicações


Dia Mundial das Telecomunicações


18- Dia das Raças Indígenas da América


Dia do Vidreiro


Dia Internacional dos Museus

Dia do combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolecentes

21- Dia da Língua Nacional


Dia Mundial do Desenvolvimento Cultural


22- Dia do Apicultor


Dia do Economiário


Dia Internacional das Diversidades Biológicas


23- Dia da Juventude Constitucionalista


Dia Internacional das Comunicações Sociais


24- Dia da Batalha de Tuiuti (1866)


Dia da Infantaria (Exército brasileiro)


Dia do Café


Dia do Datilógrafo


Dia do Detento


Dia do Telegrafista


Dia do Vestibulando


25- Dia da África


Dia da Costureira


Dia da Indústria


Dia do Industrial


Dia do Massagista


Dia do Trabalhador Rural


Dia Nacional da Adoção


26- Dia das Vocações Sacerdotais


Dia do Revendedor Lotérico


27- Dia da Mata Atlântica


Dia do Profissional Liberal


Dia Mundial dos Meios de Comunicação


28- Dia da Saúde


Dia do Ceramista


Dia do Gráfico


29- Dia do Estatístico


Dia do Geógrafo


Dia do Sociólogo


30- Dia da Recordação


Dia do Decorador


Dia do Geólogo


31- Dia da Juventude Luterana do Brasil


Dia do Enxadrista


Dia do(a) Comissário(a) de Bordo


Dia Mundial de Combate ao Fumo.

sábado, 9 de maio de 2009

Homenagem a minha "Mãe".


Mãe...


Nesse seu dia quero lhe dizer:


Obrigado por ter me trazido ao mundo.


Obrigado por ter me criado.


Obrigado por ter me dado educação.


Obrigado por ter me guiado pelo caminho do bem,da justiça e da caridade.


Obrigado por ter me ensinado que com Cristo se vai longe.


Obrigado por ter me dito, um dia, que tudo que se faz, deve ser feito com amor e dedicação.


Obrigado por me dizer que só grandes e boas palavras não bastam,mas que é preciso grandes e bons exemplos.




Créditos: Cantinho dos amigos e scraps.

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Reflexão "Nossas asas"


Certo dia, um anjo ajoelhou-se aos pés de Deus e falou:“Senhor... visitei sua criação como pediu.Fui a todos os cantos; estive no sul, no norte, leste e oeste.Vi e fiz parte de todas as coisas.Observei cada uma de suas criaturas humanas.E por ter visto, vim até o Senhor...para tentar entender. Porque?Por que cada uma das pessoas sobre a terra tem apenas uma asa? Nós anjos temos duas...podemos ir até o amor que o Senhor representa,sempre que desejarmos.Podemos voar para a liberdade sempre que quisermos. Mas os humanos...com sua única asa, não podem voar!”E Deus respondeu:- “Eles podem voar sim, meu anjo. Dei aos humanos...apenas uma asa para que eles pudessem voar mais e melhor que Eu ou vocês, meus arcanjos...Para voar, meu amigo...você precisa de suas duas asas...Embora livre, sempre estará sozinho.Talvez da mesma maneira que Eu...Mas os humanos...com sua única asa precisarão sempre dar as mãos para alguém, a fim de terem suas duas asas. Cada um tem, na verdade, um par de asas.Uma outra asa, em algum lugar do mundo, que completa o par. Assim, eles aprenderão a respeitarem-se...pois ao quebrar a única asa de outra pessoa,podem estar acabando com suas próprias chances de voar. Assim, meu anjo, aprenderão a amar verdadeiramente outra pessoa. Aprenderão que somente permitindo-se amar, eles poderão voar.Tocando a mão de outra pessoa, em um abraço amigo e afetuoso, eles poderão encontrar a asa que lhes falta... e poderão finalmente voar.Somente através do amor irão chegar até onde estou. Assim como você, meu anjo. E nunca, nunca mais...estarão sozinhos quando forem voar.”

Créditos: Texto retirado da net